Previna acidentes na infância
A verdade é que quanto mais os bebês crescem e aprendem a dar seus primeiros passinhos, mais cuidados precisam ser tomados para evitar acidentes. De acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), no Brasil morrem, por ano, 5,3 mil crianças vítimas de acidentes. Outras 137 mil vão parar no hospital devido a quedas, arranhões e traumas, sendo que a maioria desses episódios que ocorrem dentro de casa. Por isso, a Dra. Daniella Cristina Demes Rosa ensina as mamães e papais a manterem seus filhos em segurança.

Publicidade

 

A partir de 1 ano a criança deve ter supervisão constante:

• As janelas, escadas e tomadas devem ser protegidas;

• O acesso à cozinha deve ser restrito durante o preparo das refeições;

• Os cabos de panelas devem ser voltados para dentro e as bocas de trás do fogão são as que devem ser usadas;

• Produtos como medicamentos, cosméticos, artigos de higiene, líquidos inflamáveis e produtos de limpeza devem estar longe do alcance das crianças;

• Os medicamentos devem ser mantidos em recipientes com tampas de segurança e produtos de limpeza em suas embalagens originais;

• Os objetos pontiagudos e/ou cortantes, que destacam partes, devem ficar fora do alcance;

• Manter acesso restrito à lavanderia, banheiros e piscinas;

• Os baldes e bacias devem ser esvaziados após o uso;

• O transporte no carro sempre no banco de trás, em assentos específicos.

 

A partir de 3 anos, além da supervisão constante a criança deve receber orientações sobre brincadeiras perigosas. Também é importante:

• Observar locais da casa suscetíveis a quedas, especialmente escadas e janelas;

• Na rua, andar sempre pelo lado de dentro da calçada e segurando a mão da criança;

• Atravessar as ruas segurando a criança pelo punho, apenas nas faixas de segurança;

• Utilizar coletes salva-vidas em banhos de piscina, mar, rio ou lagoa, sempre com a supervisão de um adulto;

• Afastar a criança do contato com animais desconhecidos;

• Transporte no carro sempre no banco de trás, em assentos específicos.