Previna acidentes em casa
Criança precisa de atenção o tempo todo. Um momento de distração e ela pode se engasgar, afogar-se ou se queimar. Por isso, o Manual da Mamãe foi buscar no Corpo de Bombeiros dicas de segurança e prevenção de acidentes domésticos:

Publicidade

 

Quedas:

• Portas ou acessos para escadas devem ser rigorosamente bloqueados;

• Instale redes de proteção em todas as janelas e varandas.

Caso a criança quebre algum osso, a parte quebrada deve ser imobilizada com uma tala, antes que ela seja levada para qualquer lugar. Não dê comida a ela, nem mesmo água; coloque a parte quebrada mais alta que o corpo e faça compressas de gelo para diminuir o inchaço e a dor. Depois, procure um médico.

 

Em casos de engasgamento:

Coloque a criança deitada de bruços, apoiada no seu antebraço, com a cabeça mais baixa que o tronco; efetue de quatro a dez taponagens na parte superior e ao centro das costas. Caso não tenha ocorrido a desobstrução, vire a criança de costas, apóie dois ou três dedos em seu abdômen, realize entre quatro e dez compressões. Se necessário, repita o procedimento.

 

Passeios de carro

• Coloque travas de segurança nas portas dos carros;

• Quando cruzando estradas ou ruas, as crianças devem ser seguras pelas mãos;

• Não transporte seu filho no colo e nem no assento dianteiro; leve-o em cadeira apropriada até os sete anos e meio de idade, com cinto de segurança e sempre no banco de trás.

 

Afogamentos:

• Coloque rede de proteção nas piscinas e sempre acompanhe seu filho;

• Utilize salva-vidas em quaisquer passeios aquáticos.

Para fazer respiração boca a boca na criança, deite a cabeça dela para trás e estique seu pescoço. Depois coloque sua boca junto a dela e sopre até o peito da criança encher de ar, mas lembre-se de apertar o nariz dela para que o ar não saia por ele. Depois de soprar, retire sua boca e deixe que ela solte o ar sozinha. Repita até que a criança esteja respirando sozinha.

 

Cortes

• Use de preferência pratos e copos de plástico;

• Guarde tesouras, facas e objetos quebráveis longe do alcance das crianças

Havendo algum tipo de corte superficial, lave o local do ferimento com bastante água e sabonete. Isso é muito importante para não haver infecções. Se o corte for grande, coloque um curativo feito com uma gaze ou algum pano limpo e vá logo procurar um pronto-socorro.

 

Queimaduras

Em caso de queimaduras, mergulhe a parte queimada em água limpa ou em água corrente até aliviar a dor. Não estoure as bolhas, não coloque a mão na queimadura nem tire a roupa do ferido se ela estiver colada no corpo. Se as bolhas já estiverem estouradas, não coloque na água. Você não deve passar nenhuma pomada, creme ou pasta de dente sobre a queimadura.

 

Envenenamento

• Tome cuidados extras quando alguém da família estiver em tratamento, usando vários remédios e nunca diga que remédio é doce;

• Compre produtos domésticos em embalagens resistentes para a criança e guarde-os em lugar seguro, mantendo-os sempre em seus recipientes originais.

Em alguns casos faça a criança vomitar. Após o vômito, faça-a beber leite e mantenha-a agasalhada. Mas não faça a criança vomitar se ela tiver bebido produtos de petróleo (querosene, gasolina, fluido de isqueiros, removedores); ácidos; água de cal; amônia; alvejantes de uso doméstico; tira-ferrugem e desodorante de banheiro. Não deixe a criança andar e dê bastante água para diluir o veneno. Leve-a ao médico imediatamente.

 

Shoppings

Apesar de parecerem seguros, os shopping centers escondem riscos para as crianças. O Corpo de Bombeiros alerta que os locais onde a atenção deve ser redobrada são nas escadas e esteiras rolantes, elevadores e garagem. Para evitar contratempos, não se distraia e explique ao seu filho como se comportar em casos de emergências.

 

Telefones úteis:

SAMU 192

Bombeiros 193

Polícia Militar 190