Meu filho precisa aprender inglês?
Lojas, produtos, programas de TV, músicas, internet... O idioma está em todo lugar. O mundo atual, ou pelo menos o mundo ocidental, está conectado por meio da língua inglesa e saber se comunicar nesse idioma pode ser decisivo para a vida profissional - e até pessoal - de seu filho no futuro. Você ainda tem dúvidas sobre seu filho aprender uma segunda língua? Confira mais alguns argumentos:

Publicidade

Importância

Só de aprender outro idioma, a pessoa ganha em seu desenvolvimento mental. As crianças que aprendem um segundo idioma têm mais facilidade de aprender novos idiomas, pois o cérebro já conheceu outras possibilidades de estruturar frases. E o inglês é hoje o idioma mais utilizado para a comunicação intercultural.

Hora certa

Não há uma idade ideal para aprender uma segunda língua. O mais importante não é quando, mas como. Não adianta a criança aprender cedo, se as condições não forem adequadas. O aprendizado não é simples e os pais precisam entender que o investimento é de longo prazo. A aquisição de uma língua estrangeira deve ocorrer de uma forma gradativa e constante. As crianças nascem prontas para desenvolver muitas habilidades, entre elas a linguagem. As que começam cedo teriam mais facilidade de aprender inglês sem sotaque, dominando a língua com fluência e desenvoltura.

Aprendizado

É importante ressaltar que a maneira de aprender outra língua é diferente para cada idade. Uma criança muito pequena, por exemplo, pode não estar pronta para aprender regras gramaticais. Mas, mesmo assim, já consegue desenvolver compreensão oral e pronúncia. Existem vários métodos para o ensino de uma segunda língua. Porém, algumas ações facilitam o aprendizado, principalmente das crianças: o curso precisa ser lúdico, e deve ser uma experiência prazerosa. E as atividades devem ser muito variadas: jogos, brincadeiras, histórias, desenhos, vídeos etc.

Pais

O envolvimento dos pais tem uma influência enorme no aprendizado do filho. O ideal é que os pais mostrem interesse e ajudem com as tarefas somente quando necessário.Reagir positivamente a qualquer manifestação da criança em inglês também é importante. Isso motiva e ajuda a criança a se sentir segura, e não inibida.