Cirurgia íntima sem tabu
Mais que um incômodo estético, o incômodo psicológico durante a exposição ao parceiro e à relação sexual é o que leva muitas mulheres a procurarem orientação médica sobre a ninfoplastia, cirurgia plástica íntima que tem por objetivo diminuir os pequenos lábios vaginais. Pode parecer frescura ou excesso de vaidade, mas não é. Quem sofre com o problema, que atinge aproximadamente uma em cada mil brasileiras, sabe muito bem o constrangimento que pode causar. Esse tipo de julgamento é o que ainda gera muito tabu sobre o procedimento, que é simples e altamente eficaz na elevação da autoestima feminina.

Publicidade

A primeira recomendação para quem decidiu por essa cirurgia é procurar um médico que lhe passe confiança. Segundo a cirurgiã plástica Dra. Gisele Zanato, a mulher não precisa se sentir envergonhada. Tudo será tratado com o profissionalismo e a discrição necessários. Na ninfoplastia, o cirurgião retira parte dos pequenos lábios e reconstrói essas estruturas. São dados pontos, normalmente absorvíveis.

O procedimento, normalmente feito com anestesia local e sedação, dura, em média, de 20 a 40 minutos. No entanto, a depender da vontade da paciente, poderá também ser realizado somente sob anestesia local. Por se tratar de uma cirurgia simples, a paciente pode ir para casa assim que estiver bem acordada. “Retira-se apenas o excesso, ou seja, a porção dos pequenos lábios que fica aparente quando a mulher está em posição normal, a parte dos pequenos lábios que se projeta para fora dos grandes lábios.”

Pós-operatório

O repouso deve ser mantido pelo período de dois a três dias após a cirurgia. As mucosas em geral cicatrizam rapidamente, em cerca de uma semana. Depois disso, quem trabalha em escritório, sem realizar grandes esforços físicos, pode voltar à rotina. Quem trabalha com esforço físico ou que precisa caminhar muito deve esperar de duas a três semanas para retornar ao trabalho. Já as relações sexuais podem ser retomadas após 30 ou 45 dias da cirurgia. “É importante ressaltar que a sensibilidade durante a relação sexual não será alterada com a ninfoplastia.”

Durante o banho e sempre após ir ao banheiro, a higiene da região íntima deve ser feita com água e sabonete antisséptico. Recomenda-se o uso de protetor diário por cerca de uma semana, pois é normal que haja sangramento leve. Quando estiver na rua, lembre-se sempre de carregar lenços umedecidos, que ajudam na limpeza. Evitar calças muito apertadas nas primeiras semanas também é recomendado, para impedir o atrito na região e consequentemente o ferimento da área operada.
Esse conteúdo foi feito em parceria com

Dra. Gisele Zanato


Conheça mais dele