Bebê de influencer passa mal após brincar com medicamentos
A digital influencer e empresária Dani Cabrera passou por um grande susto com a filha, Carmela, de 1 ano na última terça-feira, 23. A mãe se distraiu brincando com a filha mais velha, Manu, de 4 anos, quando viu a caçula brincar com 3 cartelas de remédios — duas nas mãos e uma na boca. "Eu fiquei em pânico", conta.

Publicidade

Na hora, Dani abriu a boca da bebê para ver se ela tinha engolido algum comprimido, mas não dava pra saber. A influencer, então, ligou para a pediatra que a tranquilizou, porque nenhum dos três remédios poderia ter uma consequência grave. "A médica pediu para que ficássemos de olho nela", disse.

Segundo Dani, a filha brincou e, mais tarde, dormiu. "Mas dez minutos depois de ter dormido, ela sentou na cama e vomitou duas vezes, muito! E aí eu me desesperei achando que ela realmente tinha tomado. Liguei novamente para a pediatra que nos orientou a irmos para o hospital", completa. Carmela passou a noite em observação e já recebeu alta.

https://www.instagram.com/p/B0UU6-0n3pz/

Cuidado

Para prevenir a intoxicação por medicamentos, a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) e a ONG Criança Segura orientam:

- Nunca se refira a um medicamento como “doce”, para não incentivar o consumo ou despertar a curiosidade;

- Mantenha o medicamento no recipiente original e nunca deixe comprimidos soltos;

- Após o uso, feche bem a embalagem. Dê preferência por produtos cujas embalagens possuam tampas de segurança;

- Guarde os medicamentos trancados, em lugar alto e fora de alcance das crianças.