Adolescente com síndrome de Down morre com suspeita de Covid-19
A adolescente Ana Clara Pulsena, de 14 anos, morreu nesta quarta-feira (8) em Goiânia com suspeita de Covid-19. Ela tinha síndrome de Down e teria viajado recentemente para o México.

Publicidade

Ana Clara era modelo e participou de várias edições de desfiles de moda inclusivos com crianças com síndrome de Down e autismo promovidos pelo Manual da Mamãe no Bazar Mamãe Chic, feira de produtos para Gestante, Bebê e Criança, realizada duas vezes ao ano no Flamboyant Shopping, em Goiânia.

"Lamentamos muito essa triste notícia. A alegria de Ana Clara durante os desfiles é a lembrança que fica para nós. Estou em oração pela família pedindo a Deus que conforte o coração de todos", declarou a jornalista Flávia Teodoro, idealizadora do evento.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia, o caso foi notificado como suspeito de contaminação com o novo coronavírus no último dia 5 de abril, mas o resultado do exame ainda não saiu. Até a confirmação do diagnóstico a família de Ana Clara segue em isolamento domiciliar.

A escola em que a garota estudava emitiu uma nota lamentando o falecimento e decretou luto nesta quinta-feira (9), suspendendo atividades online.