10 fotos que os pais não devem postar
Mal o bebê nasce e já começa aquela chuva de fotos nas redes sociais. Tomando o banho, dormindo, acordando, de fraldinha, com o celular do papai, com o tablet da mamãe, no jardim de casa... Enfim, são inúmeras as situações que os pais fotografam e postam no facebook, instagram, snapchat, entre outros.

Publicidade

De maneira ingênua, os pais acabam expondo a criança em um ambiente que é cheio de riscos como sequestro, pedofilia e bullying. Sem dúvida, é irresistível publicar fotos do filhote, compartilhar com a família e amigos e guardar todos os momentos encantores do pequeno. Entretanto, é necessário tomar uma série de cuidados antes de compartilhar imagens de criança na internet.

Confira a seguir, a lista com 10 tipos de fotos que os pais não devem publicar:

1) Foto com registro de localização

Nunca faça fotos do filho com geolocalizador do celular ou da câmera fotográfica ativados. Você não deve divulgar os lugares que a criança frequenta. Pessoas com má intenção pode usar isso para passar trotes que simulam sequestro ou até mesmo sequestrar a criança com as dicas que você mesmo deu.

2) Foto da criança nua

Não publique fotos do bebê ou da criança que mostrem as partes íntimas do pequeno. Fotos tomando banho são bem bontininhas, mas nunca devem ser publicadas se exporem a criança. Existem muitas pessoas com má intenção e há o risco de pedofilia. O pedófilo pode copiar a foto de seu filho e compartilhar em sites de conteúdo impróprio.

3) Foto de criança com objeto de valor

É bastante comum tirar fotos do filho em momentos de alegria ao receber um presente que queria muito, como um tablet, um Iphone, etc. Entretanto, esse tipo de foto não deve ser publicada, pois pode depertar a atenção para os bens materiais da família. Evite!

4) Foto de criança com uniforme escolar

Não publique fotos do seu filho com uniforme da escola, pois estranhos passam a ter conhecimento da rotina da criança e podem usar isso para planejar um sequestro, por exemplo.

5) Foto que identifique a residência

Evite publicar fotos em que apareça a fachada da sua casa, o nome da rua ou ponto de referência evidente. Essa medida impede que pessoas com má intenção identifique onde a criança mora ou frequenta.

6) Foto que deixará a criança com vergonha

Fotos da criança despenteada, fazendo xixi, ou em situação engraçada podem ser até bonitinhas no momento, entretanto, no futuro a criança sentirá vergonha dessa imagem. Além disso, essas fotos poderão deixar a criança vulnerável para ser alvo de bullying.

7) Foto em alta qualidade

Não publique fotos da criança em alta qualidade, pois ao cair na internet, perde-se todo o controle sobre as fotos. Pessoas podem copiá-las e utilizá-las em propagandas não autorizadas ou em conteúdos impróprios.

8) Foto da criança com amiguinhos

Antes de publicar a foto de seu filho com amiguinhos, peça autorização dos pais das crianças para isso. É necessário ter muito cuidado com esse tipo de foto, pois os pais das demais crianças podem não gostar e não querer essa exposição.

9) Foto da criança no ambiente de trabalho dos pais

Fotos desse tipo podem mostrar a estranhos o local que a criança frequenta e os pais trabalham. Todos ficam vulneráveis! Evite publicar qualquer foto que contenha informações pessoais.

10) Foto publicada em álbum aberto

Você conhece o amigo do seu amigo? Nem sempre, não é mesmo?! Evite publicar fotos em álbuns abertos em que amigos de amigos possam ter acesso. Tenha cuidado com quem tem acesso ao seu perfil.