Curta mostra dois garotinhos se apaixonando e divide opiniões
Apaixonar-se, sofrer por amor, sentir vergonha do que está sentindo e depois ser correspondido... tudo isso vivido por dois garotinhos! É isso que mostra o novo curta de animação In a heartbeat ("Em uma batida do coração", em tradução livre).

Publicidade

O filme, de 4 minutos, conta a história de Sherwin que se apaixona por um coleguinha de classe, Jonathan. O coração de Sherwin pula para fora do peito e vai atrás de Jonathan. Para recuperá-lo, Sherwin acaba criando uma grande confusão.

O curta, que retrata o amor homossexual, foi criado por Esteban Bravo e Beth David, recém-graduados da Ringling College of Art and Design, na Flórida (EUA).

Esse é o primeiro filme dos dois. No dia 31 de julho, a animação foi lançada no Youtube e hoje, 07/08, já está com mais de 21 milhões de visualizações.

Polêmica nas redes

A animação divide opiniões. Nas redes sociais, há muitas pessoas que apoiam a ideia, outras condenam justificando que crianças não devem ser incentivadas a namorarem.

Beth David, em entrevista ao The Guardian, contou que a ideia de trabalhar um coração saindo do peito ao se apaixonar foi de uma amiga. E, inicialmente, eles iriam retratar um casal heterossexual, porém mudaram para um casal gay, dando a história um tom mais pessoal.

"Ainda faz sentido quando é um menino e uma menina, porque isso não significa que a pessoa não teria medo de demonstrar seus sentimentos.

Mas quando é colocado no contexto de personagens LGBT, havia muitas outras camadas a serem exploradas, e podemos infundir a história com nossos próprios antecedentes ", disse Beth ao The Guardian.

Confira a animação:

https://www.youtube.com/watch?v=2REkk9SCRn0

 

 

Quer fazer um ensaio newborn, mas tem medo? Não precisa!

https://www.youtube.com/watch?v=ObpmGwoP4FE