7 coisas que os homens devem saber sobre a gravidez
Enjoos, emoções a todo vapor, muito sono... esses são algumas situações que acometem as gestantes e os companheiros nem sempre compreendem exatamente o que está acontecendo. Por isso, listamos 7 coisas para que eles entendam ao menos um pouquinho do que a gestante está falando.

Publicidade

Confira:

1) Enjoos são reais

Eles não são frescura. E tem até explicação científica que comprova isso. Os enjoos acontecem devido a ação do progesterona no primeiro trimestre da gestação, que promove o aumento da saliva que, em excesso, provoca um desconforto na boca e um mal-estar no estômago.

2) Ficamos mais sensíveis

Não é frescura que as gestantes ficam mais sensíveis em vários momentos da gestação, com os nervos a flor da pele. No primeiro trimestre as emoções tomam conta, devido ao medo do que vem pela frente e até mesmo os hormônios femininos em alta. Na reta final da gestação, por conta da ansiedade pela chegada do bebê, a sensibilidade volta a reinar. Por isso, papais, por favor, sejam pacientes!

3) Sentimos um sono absurdo

Principalmente no primeiro trimestre da gestação, às vezes, as gestantes podem não conseguir controlar o sono. E a culpa é dos hormônios, em especial o BHCG. Então, não pense que elas estão com preguiça e fazendo corpo mole.

4) É de verdade o desejo de comer

Nem todas as grávidas tem aqueles desejos exóticos que se ouve por aí. Mas que a vontade absurda de comer existe, isso é fato. Pode acontecer até de surgir aquela vontade de comer algo mais específico. Por isso, maridos, não deixem suas gravidinhas com vontade.

5) Tem momentos que não queremos sexo

As indisposições no início da gestação podem afetar a libido da gestante. Enjoos, vômitos, mal-estar típicos dessa fase podem atrapalhar. Já no final da gestação, devido ao barrigão e as dores lombares, pode ser que a relação sexual se torne desconfortável. Homens, não se desesperem. No geral, hormônios como o estrogênio e o androgênio aumentam o desejo de ter prazer. Com uma boa conversa e criatividade, tudo se ajeita.

6) Não nos tratem como se estivéssemos doentes

Embora a gestação possa provocar algumas indisposições e situações delicadas, por favor, não trate as grávidas como se estivessem doentes, ou com algum problema. Isso é horrível. De fato na maior parte da gestação dá para trabalhar, praticar atividade física, dirigir e passear.

7) Precisamos de apoio

Em todos os momentos da gestação, as gestantes precisam do apoio do companheiro. Dividir as dúvidas, as angústias, os medos, as descobertas e alegrias dessa fase é fundamental para que o bem-estar. Ter um companheiro nesse momento é importante para tornar as coisas mais fáceis e prazerosas.